Menos Emergências é uma trilogia de peças ou 3 episódios de uma crónica sobre a miséria humana, contada pela voz do que poderá ser uma certa burguesia flácida e suburbana europeia. É um texto político e moralmente incorrecto, onde a pobreza de espírito das personagens espelham uma certa mediocridade entre as relações humanas e a forma como lidam com a violência e a crueldade. É uma peça fria, sofisticada, porém bárbara, hesitante e um excelente retrato sobre a hipocrisia educada e elegante, presente nas relações humanas. Menos Emergências poderá ser uma mentira. A narrativa que os actores contam poderá não ser a descrição de uma acção passada, mas a criação de uma história onde as personagens têm o (cruel) prazer de criar. Trata-se de um equívoco, uma distorção dos factos e um apelo à consequência e ao superficial para explicar a existência. Num tempo indefinido e em terreno árido, as personagens que se encontram neste episódio prefiguram um questionamento do plano ético sobre a estrutura da ordem civilizacional que conhecem. É um olhar atento, mas ingénuo, crédulo e simples sobre a paisagem social e intelectual, as oscilações de bem-estar e de poder, numa realidade desconhecida, mas cujos vértices tocam a nossa.

No plano estético de representação e na linguagem dramatúrgica há a desconstrução do “razoável”, a procura de um imaginário grotesco e absurdo, um convite à entrada do artifício e do ridículo.

Ficha Técnica

Texto Martin Crimp
Tradução Paulo Eduardo Carvalho
Encenação Ricardo Neves-Neves

Elenco Ana Lopes Gomes, Bernardo de Almeida, Bruno Huca/Isac Graça, Catarina Rôlo Salgueiro, Custódia Gallego, Filomena Cautela, José Leite, Márcia Cardoso, Marco Mendonça, Rafael Gomes, Rita Cruz, Sílvia Figueiredo, Tânia Alves, Teresa Coutinho e Vítor Oliveira

Direcção musical Rita Nunes

Orquestra Ana Teófilo (Saxofone alto), André Pontífice (Violoncelo), Bruno Mimoso (Bateria), Eduardo Jordão (Contrabaixo), Emília Santos (Trompete), Fernando Soares (Saxofone tenor), Gil Henriques (Violino), Gonçalo Marques (Trompete), Ivo Rodrigues (Trompete), Jaime Jacob (Violino), José Massarrão (Saxofone soprano), Maria Nabeiro (Violoncelo), Mário Amândio (Trombone), Raquel Cravino (Violino), Rita Nunes (Saxofone barítono), Simon Wadworth (Pianista), Teresa Coelho (Violino), Vânia Moreira (Violoncelo) e Vanessa Gonçalves (Piano)

Coro Ana Amaral, Ana Libório, Ana Lopes, Ana Lopes Gomes, Ana Lúcia Magalhães, Ana Paula Almeida, Ana Valente, Ana Valentim, Ana Ribeiro, Anabela Ribeiro, André Albuquerque, Andrea Pereira, Andreia Brito Silva, Anna Leppãnen, Barbara Bruno, Beatriz Baptista, Bernardo Almeida, Bernardo de Almeida, Bernardo Lobo Faria, Bruno Vicente, Carolina Dominguez, Catarina Campos Costa, Catarina Moita, Catarina Rabaça, Célia Jorge, Diana Costa e Silva, Diogo Bach, Diogo Tomás, Duarte Pinho e Melo, Fabíola Lebre, Fernanda Paulo, Filipa Duarte, Francisco Sousa, Gabriella Nemésio , Gonçalo Egito, Henrique calado, Hugo Leitão, Inês Gonçalves, Inês Hudson, Inês Laranjeira, Inês Realista, Isac Graça, Joana Almeida, Joana Barros, Joana Carvalho, Joana de Brito Silva, João Ascenso, João Craveiro, João Manuel de Barros, João Pedro Leal, João Serra Rodrigues, José Leite, José Lobo, José Sotero, Judite Dias, Katrin Kaasa, Lea Managil, Madalena Flores, Marco Mendonça, Margarida Correia, Maria Manuel Pinheiro, Mariana Ferreira, Mariana Fonseca, Mariana Norton, Mariana Pacheco, Mário Abel, Marta Inocentes, Marta Taveira, Martim Guerreiro, Mia Tomé, Miguel Raposo, Nega Jaci, Nídia Roque Nuno Fonseca, Pedro Luzindro, Pedro Marujo, Rafael Barreto, Rita Brütt, Rita Carolina Silva, Rita Rocha, Rita Silva, Romeu Vala, Ruben Saints, Ruben Santos, Roxana Lugojan, Samanta Franco, Sara Gonçalves, Sara Inês Gigante, Silvana Peres, Sílvio Vieira, Soraia Tavares, Stephanie Silva, Tadeu Faustino, Teresa Macedo, Tiago Mendonça, Thomaz Varela e Coro de Jazz do Conservatório de Música do Porto "Jazzsquad"

Apoio Vocal Sara Belo e Rita Nunes

Desenho de Luz Elduplo

Montagem e operação técnica Filipe Pureza
Assistente de encenação Ana Lopes Gomes

Fotografia Alípio Padilha e Raquel Albino 

Designer Pedro Frois Meneses

Vídeo Fresco Produções e Eduardo Breda

Comunicação e Assessoria de Imprensa Mafalda Simões

M16
60 MIN

Apresentações

Porto Rivoli, Teatro Municipal do Porto (2016)          
Loulé Cine-Teatro Louletano (2015)
Lisboa Teatro da Trindade (2015)
Lisboa Teatro Meridional (2014)

Outros espetáculos